sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Projeto MobilizAção da ArcelorMittal promove boas práticas de interação família-escola

Lançamento do Projeto MobilizAção em Cariacica (ES),
em abril de 2011
Implementado em Cariacica (ES) e em João Monlevade (MG), o Projeto MobilizAção, promovido pela Fundação ArcelorMittal em conjunto com as secretarias municipais de Educação e com o Ministério da Educação (MEC), é exemplo de como parcerias entre órgãos públicos e empresas podem ser bem sucedidas para mobilizar familiares, escolas e comunidades em prol da Educação. Para que mobilizadores de diversas regiões do País conheçam as experiências exitosas conduzidas pelo Projeto, estão disponibilizadas no Banco de Boas Práticas do site da Mobilização Social pela Educação as principais ações realizadas pelos voluntários do MobilizAção. 

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Miraí (MG) alcança bons resultados no Parceria Votorantim pela Educação

Coral de alunos e pais em Miraí (MG). Crédito: Cacá
A cidade de Miraí, em Minas Gerais, fechou o ano de 2012 com um grande avanço: a média do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – Ideb ficou em 6,6 nos anos iniciais do ensino fundamental e 4,2 nos anos finais. Os números são considerados altos em comparação a outros municípios brasileiros.

Há quatro anos, o Parceria Votorantim pela Educação – PVE atua na região. Com o apoio do poder público, neste ano, o projeto deu ótimos resultados para a cidade. "O PVE em Miraí tem resultados muito positivos. Nós procuramos atender a agenda e as reuniões propostas pela mobilizadora, pelos agentes-chave e pelo grupo gestor", afirmou a secretária de Educação, Maria do Carmo Oliveira e Silva Trota.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Lorena (SP) desenvolve projeto para aproximar familiares e educadores

Reunião do projeto Escola de Pais na EM Francisco
Cândido Xavier, em Lorena
Com o objetivo de conscientizar a comunidade sobre a importância da interação família-escola na busca de educação de qualidade, as escolas da rede municipal de ensino de Lorena (SP) têm desenvolvido o projeto “Escola de Pais”, que conta com uma série de encontros envolvendo familiares e educadores. As ações do projeto, que vêm sendo realizadas desde 2008 sob a coordenação da professora Maria Bezerra Siqueira, já alcançaram as 40 escolas municipais da cidade, que atendem cerca de onze mil alunos.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Núcleo da Polícia Comunitária de Pindamonhangaba (SP) adere à Mobilização Social pela Educação

1ª reunião do Grupo de Trabalho Escola-Educação do
Núcleo da Polícia Comunitária de Pindamonhangaba
Com o intuito de ampliar as parcerias dos mobilizadores locais e unir forças para a realização de ações de incentivo à interação família-escola-comunidade, foi promovida, no dia 3 de dezembro, a 1ª reunião do Grupo de Trabalho Escola-Educação do Núcleo da Polícia Comunitária de Pindamonhangaba, em São Paulo. Entre as pautas do encontro, realizado no auditório da Polícia Militar da cidade paulista, esteve o planejamento de atividades e a definição de estratégias para 2013.

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Alfabetização na Idade Certa é tema de palestra do VI Encontro de Lideranças do PMSE

Clélia Santos fala sobre o Pnaic no VI
Encontro de Lideranças do PMSE.
A exposição sobre o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic) abriu a programação do segundo dia de atividade do VI Encontro Nacional de Lideranças da Mobilização Social pela Educação. O evento foi realizado em Brasília, de 06 a 08 de dezembro. A palestra sobre o Pnaic foi conduzida pela coordenadora geral de Redes Públicas da Diretoria de Apoio à Gestão Educacional da Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação (SEB/MEC), Clélia Mara Santos.

O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa é um programa integrado cujo objetivo é a alfabetização em Língua Portuguesa e Matemática até, no máximo, os 8 anos de idade, ao final do 3º ano do Ensino Fundamental, de todas as crianças das escolas municipais e estaduais brasileiras. 


Durante a exposição, Clélia Santos destacou os desafios que o Governo Federal, com o apoio da sociedade, dos profissionais e gestores da educação pública, deverá enfrentar nos próximos dois anos com o objetivo de erradicar a taxa média de 15,2% de crianças com até 8 anos de idade que ainda não são alfabetizadas. O número é um dos resultados do Censo realizado em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Aluna vencedora do Concurso Tempos de Escola da Votorantim destaca importância do incentivo da família

A aluna Rosilene e os avós.
Crédito: Priscila Fernandes / Blog Educação
“Eu não ia participar, achava que não tinha chances de ganhar. Mas, como gosto de ler e escrever, decidi tentar. Minha avó me incentivou dizendo que eu tinha chance”, contou a estudante Rosilene Oliveira dos Santos, de Primavera (PA), vencedora na categoria Destaque Nacional da edição de 2012 do Concurso Tempos de Escola. Promovido pelo projeto Parceria Votorantim pela Educação (PVE) nos municípios em que a empresa atua, o concurso neste ano teve como tema “A minha escola, os meus sonhos”.

“Eu disse para ela: ‘Minha filha, aproveite seus estudos. Outra riqueza, eu não posso lhe dar, mas os seus estudos, pretendo incentivar para você ser bem feliz na vida’. Estou muito orgulhosa do resultado”, declarou a avó de Rosilene, Maria Cordeira dos Santos da Silva.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Comitê de Mobilização do Rio de Janeiro planeja ações para 2013

Participantes da última reunião de 2012 do Comitê Rio,
na UFF
Membros do Comitê Estadual de Mobilização Social pela Educação do Rio de Janeiro reuniram-se, no dia 29 de novembro, para realizar balanço das ações desenvolvidas em 2012 e programar atividades de incentivo à interação família-escola-comunidade para 2013. O encontro foi promovido em Niterói, com o apoio da Universidade Federal Fluminense (UFF), que cedeu espaço para o evento. 


sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

FNE reúne assinaturas em Petição Pública pelos 100% dos royalties do pré-sal

Reunião do FEE, na Sala de Atos do MEC.
A destinação de 100% de todos os royalties do petróleo, da exploração mineral e 50% do Fundo Social do Pré-Sal para a educação pública é o que defende o conteúdo da petição pública disponibilizada na internet pelo Fórum Nacional de Educação (FNE) com a finalidade de colher assinaturas em apoio à garantia de recursos para o financiamento do ensino e para o cumprimento das metas previstas no Plano Nacional de Educação (PNE) que deverá vigorar até 2021.

Divulgada pelo Coordenador do FNE e Secretário Executivo Adjunto do Ministério da Educação (MEC), Francisco das Chagas Fernandes, a petição cumpre uma das deliberações dos membros do Fórum Nacional que participaram em Brasília, nos dias 04 e 05 de dezembro, de reunião ampliada com integrantes de fóruns estaduais de educação.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

ESSOR divulga relatório de ações de Mobilização Social pela Educação na Paraíba em 2012

alt
PMSE é divulgado na caminhada da Semana Contra o Abuso
e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes em Patos (PB)
A associação francesa de solidariedade internacional ESSOR, que vem atuando no Brasil desde 1992, elaborou relatório das ações desenvolvidas pela instituição em consonância com o Plano de Mobilização Social pela Educação (PMSE) em 2012. Desenvolvidas na capital João Pessoa e no município de Patos, na Paraíba, as atividades lideradas pela ESSOR – que devem ter continuidade em 2013 – envolveram a participação de familiares de alunos, educadores e gestores escolares, com o objetivo de conscientizar a respeito do papel de cada um em busca de educação de qualidade.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Comitê intensifica ações de Mobilização Social pela Educação em Manaus (AM)

Participantes da Oficina de Formação de Mobilizadores
em Manaus - agosto/2012
Para oficializar a instalação do Comitê de Mobilização Social pela Educação da região metropolitana de Manaus, capital do Amazonas, os integrantes do grupo de mobilizadores se reuniram, no dia 1º de dezembro, na sede do Centro Universitário de Ensino Superior do Amazonas (CIESA). Formado em sua maioria por profissionais da Educação, entre eles, representantes do Fórum de Educação do Amazonas (FEAM), da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) e da Escola Superior Batista do Amazonas (ESBAM), o Comitê de Manaus tem como objetivo incentivar a interação família-escola-comunidade na capital amazonense. 

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

PVE: Capão Bonito (SP) e Conceição da Barra (ES) realizam Encontro de Mobilização pela Educação

Crianças fazem apresentação em Conceição da Barra.
Crédito: Ane Teixeira
Como parte das ações de 2012, o Parceria Votorantim pela Educação (PVE), parceiro do Plano de Mobilização Social pela Educação (PMSE), sugeriu aos municípios participantes a realização do Encontro de Mobilização pela Educação. Algumas cidades já realizaram o evento, que serviu como encerramento de todas as ações do PVE neste ano.

Nos municípios de Capão Bonito (SP) e Conceição da Barra (ES), o encontro aconteceu na última semana de novembro – nos dias 24 e 30, respectivamente. E, para a surpresa dos mobilizadores, conseguiu reunir muitos envolvidos no projeto. “O encontro superou minha expectativa, porque, além da participação de toda a comunidade escolar (gestores, alunos e professores), muita gente da comunidade externa também participou”, comentou Ane Teixeira, mobilizadora de Conceição da Barra. Passaram pelo evento cerca de 500 pessoas, entre elas, autoridades (o prefeito, a secretária de Educação e o secretário de Meio Ambiente), colaboradores da Fibria (empresa do Grupo Votorantim), representantes e alunos de escolas municipais de educação infantil, de ensino fundamental e de escolas estaduais.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Mobilizadores de todo o País participam do VI Encontro Nacional de Lideranças do PMSE


VI Encontro Nacional de Lideranças do PMSE,
06 a 08/12/2012, em Brasília (DF).
Mais de 250 voluntários e parceiros do Ministério da Educação (MEC) nas ações desenvolvidas em todo o País para incentivar a Interação família-escola-comunidade participaram do VI Encontro Nacional de Lideranças da Mobilização Social pela Educação. Realizado em Brasília (DF), de 06 a 08 de dezembro, o evento reuniu representantes de 133 municípios de 24 estados para discutir, entre outros temas, Alfabetização, Financiamento para a Educação, Voluntariado e Parceria.

A abertura do Encontro, sediado no auditório do Hotel Nacional, foi realizada no dia 06, com participação do representante da Secretaria Executiva Adjunta (SEA/MEC), Arlindo Cavalcanti Queiroz e das representantes das entidades apoiadoras do evento, o Instituto Votorantim e o Instituto Camargo Corrêa, respectivamente, Mariana Vieira de Sousa e Mariana Baére.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

VI Encontro Nacional de Lideranças da Mobilização Social pela Educação começa nesta quinta-feira


Identidade visual do PMSE
As atividades do VI Encontro Nacional de Lideranças da Mobilização Social pela Educação - Interação família-escola-comunidade, terão início nesta quinta-feira, 6 de dezembro, no Hotel Nacional em Brasília (DF). Realizado pelo Ministério da Educação (MEC), por meio do Plano de Mobilização Social pela Educação (PMSE), com apoio dos institutos Camargo-Corrêa e Votorantim, o evento tem como objetivo oferecer espaço para a troca de experiências e a apresentação de ações realizadas pelos voluntários do PMSE em todo o País ao longo deste ano. 

Além de assistir a palestras de especialistas em Educação, durante o evento, os cerca de 250 participantes terão a oportunidade de expor e conhecer práticas de incentivo à interação família-escola-comunidade desenvolvidas por voluntários, secretarias de educação, comitês de mobilização e empresas, com a finalidade de colaborar com a melhoria da qualidade da educação pública.

Confira aqui o cronograma de atividades do VI Encontro Nacional de Lideranças da Mobilização Social pela Educação - Interação família-escola-comunidade.

Conselheiros tutelares lideram boas práticas de mobilização social pela educação em Tabira (PE)

Alunos de Enfermagem da Escola Padre Luís Floridi, em Tabira,
conhecem a cartilha da Mobilização, em março de 2012.
A iniciativa dos conselheiros tutelares de Tabira, em Pernambuco, de conduzir o desenvolvimento do Plano de Mobilização pela Educação (PMSE) no município é o principal destaque das práticas de incentivo à Interação família-escola-comunidade registradas nessa localidade, nos últimos dois anos. A experiência de Tabira direcionada a envolver a sociedade e as famílias em ações que visam à melhoria da qualidade da educação também está exposta no Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação.

Entre os principais resultados desse trabalho, o conselheiro tutelar e mobilizador em Tabira, Ailson Alves de Souza, aponta o aumento do interesse das famílias em participar da vida escolar dos filhos.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Agenda do SESI-RN destaca boas práticas de incentivo à interação família-escola

Exposição da cartilha da mobilização a educadores de
Pedro Avelino (RN), durante edição do Projeto
Criança 2000, em junho de 2012.
A inclusão do incentivo à Interação família-escola-comunidade na pauta de trabalho da unidade do Serviço Social da Indústria do Rio Grande do Norte (Sesi/RN) é destaque na Mobilização Social pela Educação implementada no estado, por representantes da entidade, nos últimos dois anos. O relato sobre essa iniciativa pode ser conferido no Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação.
 
Entre as ações sobre o tema promovidas por representantes do Sesi/RN está a abordagem, junto às famílias envolvidas no Projeto Criança 2000, a respeito da importância da participação na vida escolar dos filhos. Durante as edições do projeto que são realizadas em municípios de todo o estado, os representantes do Sesi/RN distribuem aos pais e às mães de alunos de escolas públicas exemplares da cartilha Acompanhem a vida escolas dos seus filhos e dialogam com esse público a respeito da mensagem divulgada na publicação.

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Consórcio CCPR-Repar estimula Mobilização Social pela Educação em Araucária (PR)

Apresentação da cartilha Acompanhem a vida escolar dos seus
filhos em escola pública de Araucária, na volta às aulas em 2012
O investimento na criação de condições para a continuidade das ações de Mobilização Social pela Educação em Araucária, no Paraná, mesmo após a finalização da obra conduzida pelo Consórcio CCPR-Repar – formado pelas empresas Camargo Corrêa e Promom Engenharia - é fator de destaque na experiência de incentivo à Interação família-escola-comunidade desenvolvida no município pelo consórcio. O relato sobre essa experiência também integra o Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação

Por meio do incentivo ao prosseguimento das ações, o consórcio tem como objetivo deixar um legado para o município, no sentido de que a sociedade local e as famílias dos alunos continuem sendo estimuladas a colaborar com as iniciativas direcionadas à melhoria da qualidade da educação pública e do sucesso escolar dos estudantes.  Para isso, o consórcio deverá acompanhar a implementação local do Plano de Mobilização Social pela Educação (PMSE) por aproximadamente um ano após a finalização da obra.

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Sesi reforça boas práticas de incentivo à interação família-escola-comunidade na Paraíba

Mobilizadores do SESI/PB divulgaram a cartilha da Mobilização
a familiares de estudantes em Campina Grande, em junho de 2012.
O apoio da unidade do Serviço Social da Indústria (Sesi) da Paraíba às ações de incentivo à Interação família-escola-comunidade tem reforçado as atividades desenvolvidas no estado, nos últimos três anos, com o objetivo de envolver a sociedade e os responsáveis pelos alunos em iniciativas que resultem na melhoria da qualidade da educação e do aproveitamento do ensino. Os desafios e as perspectivas dessas experiências também podem ser conferidos no Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação.

Como observa a sistematizadora do levantamento que resultou nas práticas que compõem o Banco, Joana Buarque Gusmão, “o Sesi/PB aderiu de forma comprometida ao Plano de Mobilização Social pela Educação do Ministério da Educação (PMSE/MEC). Além de participar dos Comitês de Mobilização estadual e de Campina Grande e dar apoio estrutural aos mesmos, por meio da doação de equipamentos, constituiu um Comitê interno para realizar ações de mobilização social pela educação no âmbito da própria entidade, o que se revelou como estratégia com boa capacidade de replicação”.

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Boa sorte ao padre Agamenilton!

Padre Agamenilton (esq.) no 15º Encontro Nacional da
Pastoral da Educação, em Belo Horizonte, de 2 a 4/09 2011
A equipe do Plano de Mobilização Social pela Educação do Ministério da Educação (PMSE/MEC) recebeu a notícia, na terça-feira, 27 de novembro, de que um dos pioneiros desse projeto, o padre Francisco Agamenilton Damascena, está de partida para a Itália, onde deverá permanecer até 2016 para cursar doutorado em Filosofia.
Padre Agamenilton foi o responsável pelo envolvimento da sociedade e do poder público nas ações de incentivo à interação família-escola-comunidade no município goiano de Uruaçu. Ele também ofereceu importante contribuição à ampliação da Mobilização Social pela Educação em outras cidades goianas como Ceres e Pirenópolis. Inseriu, ainda, a mensagem sobre o tema em atividades da Igreja Católica realizadas na capital goiana. 

Agamenilton divulga o PMSE no 10º Seminário Regional da
Pastoral da Educação do Centro Oeste. em Goiânia, 09/2009
Ao lado de outros mobilizadores que representam, em âmbito nacional, a Pastoral da Educação, também não deixou que a Mobilização Social pela Educação ficasse fora da pauta dos eventos da entidade nos últimos quatro anos. 
 
Até a sua viagem, responde pela Paróquia Nossa Senhora d'Abadia, no município de Barro Alto (GO), onde também “fica a semente da Mobilização”, como bem lembra o próprio mobilizador. Lá ele também promoveu o lançamento do PMSE em fevereiro de 2012.

A equipe do PMSE/MEC deseja boa sorte ao padre e mobilizador Agamenilton em sua nova jornada e em seu novo desafio. E que na volta possa continuar dando sua peculiar contribuição à Educação.

Lideranças sociais conduzem boas práticas de Mobilização na Zona Leste de São Paulo.

Palestra sobre a importância do acompanhamento da
vida escolar dos filhos, Associação de Moradores de
Vila Kemel, Zona Leste de São Paulo, 30/09/2010.
Nos bairros que formam a Zona Leste da capital de São Paulo, a luta pela garantia de todos os direitos sociais é associada ao trabalho desenvolvido por membros do Comitê local de Mobilização Social pela Educação no âmbito do incentivo à Interação família-escola-comunidade. Composto por lideranças com importante vínculo com as entidades comunitárias da região, o Comitê da Zona Leste tem concentrado suas ações na conscientização da sociedade e das famílias para a importância do direito de aprender e as consequências desse benefício para a melhoria das condições de vida, sejam individuais ou coletivas.

O relato sobre essas experiências promovidas na Zona Leste de São Paulo também faz parte do Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação que ainda evidencia, em relação à região, iniciativas como a realização de Oficinas de Formação de Mobilizadores Sociais pela Educação; a promoção de encontros para discussão da conjuntura educacional; a divulgação sobre a importância da Interação família-escola-comunidade em associações de moradores, reuniões com representantes de municípios vizinhos e com beneficiários do Programa Bolsa Família, em escolas, igrejas e movimentos de terceira idade; a mobilização de grupos juvenis coordenada pela Pastoral da Educação; o incentivo à criação de grêmios estudantis; a mobilização para matrícula de alunos na Educação de Jovens e Adultos (EJA); visitas às residências de alunos das redes públicas; e o estabelecimento de parcerias com comerciantes e profissionais do Programa Saúde da Família.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Pindamonhangaba destaca compromisso de voluntários em práticas de incentivo à Interação família-escola

Palestra sobre interação família-escola no bairro
Moreira César, em setembro de 2012.
O comprometimento dos voluntários de Pindamonhangaba com a Mobilização Social pela Educação é o principal destaque do relato sobre as experiências de incentivo à Interação família-escola-comunidade desenvolvidas na região do município paulista. A descrição sobre como essas atividades são realizadas e como têm contribuído para ampliar a participação dos pais na vida escolar dos filhos integra o Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação. 

Com as finalidades de reforçar a importância da colaboração das famílias na trajetória de estudos dos filhos e de envolver a sociedade em iniciativas que visem à melhoria da qualidade da educação pública, membros do Comitê local de Mobilização Social pela Educação adotam, entre outras estratégias de trabalho, a divulgação sobre o tema da Interação família-escola-comunidade em veículos de comunicação, redes sociais, igrejas e escolas; a formação sobre o tema direcionada a jovens, diretores escolares, coordenadores pedagógicos, professores, conselheiros municipais, pais de alunos e lideres religiosos; e a disseminação da mobilização em municípios vizinhos.

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Uruaçu e Pirenópolis destacam boas práticas de Mobilização Social pela Educação em Goiás

Mobilização é divulgada no III Encontro
Pedagógico da UEG
de Pirenópolis
Intercâmbio de experiências sobre Incentivo à Interação Família-escola-comunidade, pioneirismo na aprovação de leis sobre o tema e delimitação de território prioritário para o direcionamento de ações são destaques no relato dos municípios goianos de Pirenópolis e Uruaçu que compõe o Banco as Boas Práticas de Mobilização Social pela Educação.

“A ação de mobilização de Pirenópolis que mais se diferencia de outras desenvolvidas no Brasil é a promoção de intercâmbio de experiências, no caso com a mobilizadora de Barreirinhas (MA). A estratégia é bem interessante, pois traz alguém já envolvido com a mobilização para inspirar as ações no município” comenta a sistematizadora do relato sobre as experiências goianas, Joana Buarque Gusmão.

Lideranças religiosas protagonizam boas práticas de Mobilização em Barueri e Osasco (SP)

Mobilização é divulgada em reunião de pais na
Escola Municipal de Ensino Fundamental Nomura, em Barueri (SP)
Com o apoio da Pastoral da Educação da Diocese de Osasco, o Comitê de Mobilização Social pela Educação que atua na região metropolitana de São Paulo (SP), em especial em Barueri e Osasco, tem realizado diversas ações com o objetivo de promover a interação entre família, escola e comunidade. As atividades desenvolvidas pelas lideranças religiosas que compõem o Comitê são o tema da publicação de hoje no Banco de Práticas da Mobilização Social pela Educação, hospedado no site da Mobilização (http://mse.mec.gov.br). 

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Educadores promovem boas práticas de Mobilização pela Educação em Santa Inês (MA)

Mobilizadores de Santa Inês divulgam a cartilha
Acompanhem a vida escolar de seus filhos
Professores das redes estadual e municipal de Santa Inês, no Maranhão, estão entre as principais lideranças que compõem o Comitê de Mobilização Social pela Educação na cidade e que vêm realizando ações de incentivo à interação entre escola, família e comunidade. Por meio da atuação do Comitê, foi possível, por exemplo, instituir o Dia Municipal de Mobilização Social pela Educação – comemorado no dia 10 de setembro –, realizar capacitação de mobilizadores durante eventos de formação de docentes e divulgar as ações de Mobilização na mídia.

Como resultado do empenho dos mobilizadores, a supervisora da Secretaria de Educação do Estado do Maranhão, Linete Colares, que também é integrante do Comitê, ressalta o crescimento da participação dos pais na vida escolar. "O aumento da participação das famílias, especialmente em estabelecimento que teve ações de mobilização permanentes, é o principal resultado mencionado pela representante do Comitê local", afirmou Joana Borges Buarque de Gusmão, responsável pela sistematização das experiências que compõem o Banco de Práticas da Mobilização.

As boas práticas de conscientização da comunidade sobre a importância do envolvimento de todos – em especial, das famílias – para a melhoria da qualidade do ensino oferecido nas escolas públicas de Santa Inês podem ser conhecidas com mais detalhes no relato sobre as ações na cidade publicado no Banco de Boas Práticas da Mobilização Social pela Educação. Clique aqui para conferir.

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Escola de Manaus aproxima educadores, familiares de alunos e lideranças comunitárias

Clique na imagem para visualizar fotos de ações na
EM São João
Com o intuito de conscientizar a comunidade sobre importância da interação família-escola para a melhoria da qualidade da Educação, a Escola Municipal São João, localizada no bairro Redenção em Manaus (AM), promoveu, no dia 3 de outubro, encontro sobre o tema “Famílias: acompanhem a vida escolar dos seus filhos”. Realizada no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Redenção, a atividade recebeu também o apoio do Conselho Escolar da EM São João, do Conselho Tutelar da Zona Centro Oeste de Manaus e da organização não governamental Lar Fabiano de Cristo.

RN: boas práticas de Mobilização ampliam participação da família na vida escolar

Mobilização na Escola Estadual Stella Gonçalves, em Natal
O empenho de educadores e lideranças sociais de Natal, no Rio Grande do Norte, no desenvolvimento de atividades de incentivo à interação família-escola-comunidade na região metropolitana da capital potiguar tem mudado o pensamento dos responsáveis pelos alunos em relação ao seu papel na trajetória de estudo dos filhos. E essas experiências integram o relato sobre a região publicado no Banco de Boas Práticas de Mobilização Social pela Educação.

Um dos resultados desse trabalho, segundo a representante do Comitê local de Mobilização Social pela Educação, Ione Campos Freitas, é o aumento da presença dos pais no dia a dia escolar, como verificado na unidade de ensino onde o Comitê concentrou maior apoio. “Os pais procuram saber os motivos das ausências de professores e funcionários, quando ocorrem, e contribuem com a realização de serviços, como pequenos consertos”, explica Ione. 

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Mirassol do Oeste (MT) recebe Oficina de Formação de Mobilizadores Sociais pela Educação

Participantes da Oficina de Formação de Mobilizadores em
Mirassol do Oeste (MT)
Professores e gestores da rede municipal e estadual de ensino, lideranças religiosas, conselheiros tutelares, pais de alunos e representantes de grêmio estudantil estiveram entre os participantes da Oficina de Formação de Mobilizadores Sociais pela Educação em Mirassol do Oeste, em Mato Grosso. Realizada na Escola Municipal Edson Athier Tamandaré, nos dias 29 e 30 de outubro, a atividade de formação teve como objetivo capacitar voluntários para o desenvolvimento de ações de incentivo à interação família-escola-comunidade no município.

Agentes comunitários de saúde desenvolvem boas práticas de interação família-escola em Lauro de Freitas

Fátima Carvalhal conduziu palestra sobre a importância da
interação família-escola em Lauro de Freitas,
em março de 2012.
A visita regular à residência de famílias é o fator que facilitou a adesão dos agentes comunitários de saúde do município baiano de Lauro de Freitas ao Plano de Mobilização Social pela Educação. Com ações estruturadas, esses profissionais têm adotado estratégias de trabalho com potencial para sensibilizar pais e mães de alunos de escolas públicas locais sobre a importância do acompanhamento do estudo dos filhos, além de permitir o acompanhamento referente à própria colaboração das famílias em relação à escola.

Maior interação das famílias com as escolas e seus profissionais é o principal resultado desse trabalho apontado pelas representantes do Comitê de Mobilização Social pela Educação de Lauro de Freitas, Fátima Carvalhal e Rosângela Neves.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Comitê reforça ações de Mobilização Social pela Educação em Palmeirante (TO)

Composto por profissionais da área da Educação, Saúde e Assistência Social, além de representantes de entidades religiosas e organização não governamental (ONG), o Comitê de Mobilização Social pela Educação de Palmeirante, em Tocantins, tem reforçado as ações de incentivo à interação família-escola-comunidade no município. Chamado pelos mobilizadores locais de “Mobilizar para educar”, o Comitê foi oficializado em solenidade na Câmara Municipal, no dia 12 de setembro.

Solenidade de formação do Comitê de Palmeirantes na
Câmara Municipal
A articulação do Comitê de Palmeirante teve início durante a Oficina de Formação de Mobilizadores Sociais pela Educação realizada no município tocantinense de Darcinópolis, em fevereiro deste ano. Durante o evento, estiveram reunidos, além de palmeirantenses, representantes de cidades da região do Bico do Papagaio. A formação foi promovida pela ONG Gaia Social em parceria com o Consórcio Estreito Energia (CESTE) e o Ministério da Educação (MEC).


sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Mobilização Social pela Educação em luto na Paraíba


Suênia Patrícia Vanderlei de Lima (acima),
Raquel Ramos da Silva (esquerda) e
Maria do Socorro Costa Gomes (direita)
A equipe do Plano de Mobilização Social pela Educação do Ministério da Educação (PMSE/MEC), os voluntários e parceiros desse projeto no estado da Paraíba encerram a semana com a triste notícia do falecimento, na segunda-feira, 12 de novembro, de importantes incentivadoras da interação família-escola-comunidade no município de Conde (PB).

As professoras Maria do Socorro Costa Gomes, 47 anos, Suênia Patrícia Vanderlei de Lima, 46 anos e Raquel Ramos da silva, 31 anos, faleceram em acidente de carro ocorrido no fim da tarde do dia 12, em Campina Grande, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal.

As professoras foram responsáveis pela abertura de várias frentes de mobilização social pela educação no município de Conde, atuando, ainda, em parceria com outros mobilizadores do estado e em atividades promovidas na Região Metropolitana de João Pessoa com o objetivo de sensibilizar as famílias para a importância da participação na vida escolar dos filhos.

A equipe do PMSE/MEC compartilha com as famílias, os mobilizadores e amigos das professoras mobilizadoras de Conde o sentimento de perda irreparável.

Foto: http://www.tvconde.com/

Mobilizadores de João Monlevade (MG) incentivam aproximação entre famílias e escolas

Disposto a promover mudanças significativas na relação entre as famílias de alunos e os profissionais das escolas públicas de João Monlevade, em Minas Gerais, o comitê gestor do programa MobilizAção, que é coordenado no município pela Fundação ArcelorMittal Brasil,   vem conduzindo ações para que a aproximação entre representantes desses segmentos resulte em melhorias nos indicadores educacionais locais. 

"Pude perceber o quanto a escuta ativa promove mudanças na postura das pessoas. Os pais expõem seus desafios em relação aos filhos, à família e à sociedade. Nós tentamos propor novas soluções para as questões postas por eles", observa a educadora da Escola Municipal Monteiro Lobato, Marinete Morais, sobre os resultados das ações do MobilizAção. 

Outras quatro escolas do município também são beneficiadas pelo programa, implantado em 2011 e viabilizado por meio de parceria entre a ArcelorMittal Monlevade, a Fundação ArcelorMittal Brasil e a Prefeitura de João Monlevade, com o apoio do Plano de Mobilização Social pela Educação do Ministério da Educação (PMSE/MEC).

Lançamento da CONAE/2014 será realizado em 03 de dezembro

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, vai participar do ato solene de lançamento da Conferência Nacional de Educação (CONAE/2014), evento que será realizado no dia 03 de dezembro, no auditório do Edifício Sede do MEC, das 09:30 às 12h. A abertura da atividade será conduzida pelo secretário executivo adjunto do ministério e coordenador geral do Fórum Nacional de Educação (FNE), Francisco das Chagas Fernandes.

A programação do lançamento da CONAE/2014 ainda prevê painéis temáticos seguidos de debates interativos transmitidos em redes sociais e por teleconferências para estados e municípios que, em 2012, vêm mobilizando seus fóruns de educação.

Gestão Democrática com Participação Popular no Planejamento e na Organização da Educação Nacional é o tema do primeiro painel. No segundo, serão abordados Estrutura, Organização e Conceitos Básicos do Documento-Referência da II CONAE. No último painel da manhã de lançamento da CONAE/2014 será exposto O Plano Nacional de Educação na Articulação do Sistema Nacional de Educação: Cooperação Federativa e Regime de Colaboração. 

O lançamento da CONAE/2014 será transmitido ao vivo pela Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) e TV MEC, no endereço eletrônico www.mec.gov.br.

Reuniões das Comissões Especiais do FNE 

Ainda no dia 03 de dezembro, integrantes das Comissões Especiais de Monitoramento e Sistematização e de Mobilização e Divulgação do Fórum Nacional de Educação (FNE) vão se reunir no período da tarde, em Brasília. 

Nos dias 4 e 5 de dezembro, membros dessas duas comissões do FNE participam, também na capital federal, da Reunião Ampliada com representantes dos Fóruns Estaduais de Educação (FNEs). A pauta dessa atividade prevê o Planejamento dos recursos financeiros referentes ao apoio institucional para realização das Conferências Municipais, Estaduais e do Distrito Federal, além da Elaboração do Plano de mobilização dos Fóruns Municipais e das Comissões organizadoras das etapas municipais da CONAE/2014.